Descubra as diferenças entre a Dieta da Sopa, a Dieta dos Pontos e a Dieta Da Usp

 

Há dezenas de dietas espalhas pelos mais diversos canais entre mídia impressa, livros ou divulgadas na televisão que visam auxiliar a procura do corpo perfeito.Entre as mais difundidas e conhecidas, ao menos no que diz respeito a resultados estão: a dieta da sopa, a dieta dos pontos e a dieta da USP. Quanto aos resultados queremos dizer que há uma legião grande de adeptos que afirmam terem emagrecido com a didática destas dietas. Também pudera; é necessário que quem for seguir estas dietas saiba que em geral elas são bem restrititvas e por isso, claro, emagrecem em pouco tempo ou funcionam como o esperado. É necessário atentar-se no pós dieta para não realizar o efeito sanfona e ao voltar a comer normalmente, engordar tudo outra vez.

Dieta da Sopa: Baseada em um cardápio de sopa que possui um apanhado de vegetais que podem ser tomados à vontade em um período de 7 a 15 dias (o ideal desta dieta é apenas 7 dias); a dieta corta carboidratos e proteínas que ficam liberadas apenas no último dia. Vegetais e frutas são liberadas sempre crus ou cozidos. Líquidos também são permitidos.

Dieta dos Pontos: Entre as três dietas, a dieta dos pontos é a menos restritiva. A premissa é que se possa comer de tudo, contanto que some os pontos. Por exemplo, diariamente você pode ingerir 500 pontos. Monte um cardápio conforme sua vontade no dia, para que o total nao ultrapsse os 500 pontos.

Dieta da USP: Essa dieta é antiga, da década de 90 e não há nenhum indício que tenha alguma ligação com a USP – Faculdade – de fato. Baseia-se em uma dieta rígida que visa perder 15 kg em 15 dias. A dieta da USP é difícil encontrar quem diga que a fez e não emagreceu realmente, mas passando “fome”.

Mais: Ingles